DICAS

Vendedor preparado vence!
"O Vendedor tem que estar preparado para atender bem. Tem que estar, em 1º lugar, INSPIRADO, e, em 2º lugar, MOTIVADO". A motivação tem que vir de dentro. Nunca espere pelos outros para motivar-se. Faça você a diferença: saia de casa motivado!
Ore: agradeça a Deus pelo dia anterior e peça proteção para o novo dia de venda. Agradeça sempre pelo seu trabalho.
Faça propostas ao cliente, dê-lhe mais de uma opção de compra. Venda! A venda faz o vendedor sentir-se valorizado
 

Lá em Bagé,
sempre ouvi falar da porteira para dentro

   Um criador de gado de corte recebe pela arroba do boi o valor estipulado pelo mercado. Esse valor é publicado diariamente nos jornais. Ele não tem nenhum poder sobre esse valor. E é esse o valor que o frigorífico pagará a ele. Sem ter poder sobre o preço, se o produtor rural quiser ganhar mais, ele terá que cuidar dos seus custos e ser mais eficiente e eficaz da porteira para dentro de sua fazenda, pois, da porteira para fora, ele não tem domínio algum.
   Isso acontece, muitas vezes, com a indústria e mesmo com o comércio em geral. A indústria consegue vender seus produtos pelo preço que o varejo estiver disposto a pagar, e o varejo terá que vender pelo preço do mercado, ou seja, pelo preço que os consumidores estiverem dispostos a pagar. Não adianta querer aumentar muito os preços, pois, talvez, não conseguirão vender. Assim também é com a indústria e o comércio que, para terem melhores resultados, devem cuidar da porteira para dentro, diminuindo custos e sendo mais eficientes e eficazes na gestão.
   Penso que essa mesma verdade aplica-se nas relações entre as pessoas. Se eu não tenho poder sobre a forma de pensar e sobre o comportamento das outras pessoas, a única solução que me cabe é cuidar da porteira para dentro, ou seja, cuidar de mim mesmo, da minha cabeça, da minha forma de encarar a realidade. Dessa forma, em vez de ficar irritado com o comportamento alheio, devo pensar da porteira para dentro: por que me irrito tanto com esse comportamento? Como devo administrar minha irritação, já que não tenho o poder de mudar o comportamento alheio? Assim é em relação aos meus colaboradores. Em vez de somente desafiar as pessoas a aprenderem alguma coisa nova, talvez eu deva me desafiar para que elas aprendam ao mesmo tempo em que proponho desafios. O líder é, pois, aquele que se desafia para que seus liderados atinjam resultados. Ele trabalha mais da porteira para dentro do que da porteira para fora.
   Muitos dos fracassos e irritações que temos são fruto da ilusão de que podemos alterar a realidade, mudar as pessoas, o mercado, as coisas concretas do mundo que aí está. Se em vez disso nos habituarmos a pensar da porteira para dentro, mudando nosso comportamento, nossa ótica, nossa forma de pensar e agir, talvez consigamos resultados mais rápidos e eficazes.
   Pense, pois, da porteira para dentro, para mudar muita coisa.

CHICO FERRAZ

Meu pai sempre me falou: "O que você plantar, vai colher!"

Uma verdade que poucas pessoas parecem compreender é a  de que você colherá aquilo que plantar. Há aqui dois sentidos a serem analisados: um deles é que quem plantar colherá. Em outras palavras, quem não plantar, não colherá. Isso quer dizer que você deve sempre cuidar do plantio, para poder colher.

Outro sentido é o de que você colherá somente aquilo que plantar. Se plantar milho, colherá milho. Se plantar espinheiro, colherá espinheiro.

Tenho um tio, em Bagé, que compara a mente humana com a terra. Ele diz: "suponha que um agricultor tem um campo de solo bem fértil. A terra permite ao agricultor escolher o que ele vai plantar. A terra não se importa. Tudo depende da decisão do agricultor. Eu comparo a mente humana com a terra. Para a mente, como para a terra, não importa o que você plantar. Ela sempre devolverá aquilo que plantar".

Meu tio escreveu: "as pessoas estão sempre culpando suas circunstâncias pelo que elas são. Eu não acredito em circunstâncias. As pessoas que vencem nesse mundo são as  pessoas que se levantam e procuram as circunstâncias que elas querem e, se não as encontram, tratam de criá-las pelo próprio esforço".

Fico impressionado ao ver que muitas pessoas desejam colher sem plantar ou colher algo diferente do que plantaram.

Meu pai sempre me falou: "o que você plantar, vai colher!"

Vejo isso acontecer com empresas que querem colher lealdade de seus clientes e fornecedores, plantando deslealdade. Querem colher fidelidade, quando nunca foram fiéis. Desejam ter sucesso plantando hábitos de fracasso: não falam a verdade, não cumprem o que prometem, não se preocupam com a qualidade do produto ou do atendimento e não prestam assistência após a venda. Querem colher o que jamais plantaram!

Essa antiga verdade precisa ser revisitada por cada um de nós, de tempos em tempos. Como ter amigos leais? Como ser respeitado? Como ser promovido? Como ter uma vida familiar estável e feliz? Como ter filhos sem problemas? Como ter sucesso? Como ser feliz? Será que a resposta para essas perguntas tão básicas não estará exatamente no que temos plantado? Será que você, também, acredita em poder colher sem plantar ou em ser capaz de colher algo diferente do que plantou?

Isso faz a gente pensar!

CHICO FERRAZ

A surra que nunca mais esqueci!
Um dia, um tio foi passar o dia em minha casa. Ele tinha uma égua muito bonita e gorda. Eu lhe pedi um cavalinho e ele prometeu que, quando a égua desse cria, eu ganharia um.
A maior surra que tomei foi o dia em que fugi de casa para buscar meu cavalinho, que meu tio tinha prometido. Isso porque, quando cheguei à casa de meu tio, descobri que ele havia mentido.
Como estava lá, ajudei-o a tirar areia do Arroio Bagé, onde hoje é o Militão.
Ao final da tarde, quando atravessa a faixa, meu pai me reconheceu de longe e deu um assobio. Eu parei. Ele quis saber o que estava fazendo ali, e eu contei. Ele perguntou se minha mãe sabia e eu confirmei, sem muita confiança. Andamos uns 4 quilômetros até chegar em casa, e ele sempre perguntando se minha mãe havia deixado eu sair.
Quando nos aproximamos de casa, minha mãe perguntou onde eu estava. Naquele momento, saí correndo e meu pai saiu atrás de mim com a cinta na mão. Ele me deu uma surra! Eu nunca mais deveria mentir, nem sair de casa sem avisar minha mãe.
Com essas surras, aprendi a ser um homem bom, a não mentir, a não maltratar as pessoas, a respeitar os mais velhos e a tratar todos igual. Enfim, apreendi a ser um homem de verdade!

CHICO FERRAZ

5 passos para ser um bom gerente
1.  Ter clientes satisfeitos
2.  Pessoas bem treinadas e motivadas
3.  Metas claras e cumpridas
4.  Resultados com lucro
5.  Inovação
 
Quando você ganha uma promoção, você tem quem que refletir.
O que eu sei e apreendi, me trouxe até aqui.
E agora o que eu preciso saber para me manter e evoluir na nova função.

"felicidade laboral"
· não sente o tempo passar;
· seus olhos brilham quando fala de suas atividades;
· está sempre buscando cursos, palestras para se manter atualizado;
· está sempre envolvido em criar e inovar as atividades de rotina;
Você é assim? Eu sou.

Fonte karla  aprato.

"para refletir"
· por que não estou satisfeito com meu trabalho?
· até quando precisarei ficar na atual função para atingir o meu objetivo financeiro?
· como posso fazer para superar a minha frustração até esse dia chegar?
· para responder essas perguntas, você deve saber o que realmente o faz feliz profissionalmente.
Fonte karla  aprato.

Matéria do jornal Correio do Povo

Tenha iniciativa e lidere.

Em qualquer tipo de negócio, aquele que assumir a liderança terá que viver sob os holofotes.
Disputa, concorrência, ciúmes e inveja serão sentimentos comuns das pessoas à sua volta.
Para qualquer pessoa que se destacar no mundo da arte,literatura, música, indústria, comércio ou qualquer outra atividade, tanto a recompensa quanto o preço a ser pago, basicamente, sempre serão os mesmos. A recompensa é a satisfação e o reconhecimento. As penalidades são a inveja e a detração. Quando seu trabalho se tornar um modelo para sua comunidade, país ou para o mundo, ele também se tornará alvo de críticas e de inveja. Se, por outro lado, seu trabalho for medíocre, você será deixado em paz, quieto, em seu canto, mas também sofrerá a frustração e o irreparável remorso de ter, ou estar, vivendo em vão.

PORTANTO, SE VOCÊ ESTÁ FAZENDO O QUE GOSTA E ESTÁ FAZENDO CERTO NÃO DÊ BOLA PARA OS INVEJOSOS.

A principal causa do fracasso da maioria das pessoas é consequência da falta de um objetivo de vida definido, associado à ausência de metas claras e atingíveis, assim como pela falta de um plano para desenvolvê-las.

Podemos alcançar tudo o que desejarmos na vida desde que tenhamos bem claro o que realmente desejamos.

Bom dia do Chico Ferraz, palestrante e consultor.

CONFIE EM VOCÊ

Pessoas de sucesso acreditam em si e em seu propósito.
Elas não têm dúvida de que podem alcançar seu objetivo de vida.
Não reconhecem a palavra impossível nem se importam com as derrotas
temporárias, pois sabem que estão caminhando para o triunfo.
Se um plano fracassa, logo o subtituem por outro e seguem adiante.

BOA SEMANA

“Falar é fácil. Fazer é que são elas...” diz o ditado popular. As palavras saem com muita facilidade de nossa boca. Agir é sempre mais difícil. E quando notamos, estamos falando coisas que não fazemos; criticando coisas que igualmente fazemos; apontando o dedo para os erros alheios sem enxergar os que cometemos. A coerência entre o discurso e a prática, entre o que falamos e fazemos é um dos maiores desafios a todos nós - e a nossa credibilidade depende dessa coerência.
 
Essa incoerência não ocorre apenas nos níveis mais elevados da hierarquia como sempre imaginamos. Sempre criticamos pessoas corruptas, mas será que temos consciência de que somos corruptos ativos ao oferecer uma gorjeta ou propina para ganhar uma vantagem ilícita, como nos livrar de uma multa por excesso de velocidade? E aqui vale o mesmo exemplo: sempre criticamos pessoas que não obedecem o limite de velocidade nas estradas. E nós? Repare que, quando estamos sem pressa e alguém nos ultrapassa o chamamos de “louco”. Quando estamos apressados e encontramos alguém sem pressa em nossa frente, o chamamos de “lesma”. 
 
Outro dia vi uma pessoa reclamando do preço alto dos produtos que comprava. Meia hora depois, sem perceber, ela estava me dizendo que iria aumentar o preço do produto que vende por achar que havia espaço para esse aumento, embora seu lucro já fosse razoável. Da mesma forma, vi um grupo de pessoas chamando alguém de “fofoqueira”. Mas elas próprias não estavam fazendo fofoca sobre essa “fofoqueira”?
 
A verdade é que antes de criticar, falar mal, dar lições de moral, etc. temos que analisar nosso próprio comportamento. Como somos? Como agimos? Talvez nunca consigamos ser 100% coerentes, mas temos que prestar atenção para não cairmos no ridículo de falar uma coisa e fazer outra completamente oposta ao que falamos.
 
um bom vendedor é aquele que pensa e faz, não fica esperando as coisas acontecerem.
 
Não fica falando “hoje não consegui ligar para meus clientes, hoje o tempo passou e eu não fiz nada”.
 
Faça acontecer e deixe o tempo passar junto com você.
 
Vendedor, lembre-se você é o gerente do seu tempo, das suas palavras, da sua vida.
 
 
ME AJUDA QUE EU TE AJUDO!
Chico Ferraz
O PRIMEIRO PASSO
ME AJUDA QUE EU TE AJUDO A VENDER MAIS
COMO VENDER BEM E SER FELIZ

ENTRE EM CONTATO COM O CHICO FERRAZ

51 9 9326.4724

 
 

ENDEREÇO

Av. Pedro Adams Filho, 3921
Pátria Nova - Novo Hamburgo - RS
 

TELEFONE

51 3065.1107 / 51 9 9326.4724
 

E-MAIL

chico@chicoferraz.com.br
 
CHICO FERRAZ É MEMBRO DA
SOCIEDADE BRASILEIRA DE PALESTRANTES
SIGA O CHICO NAS REDES SOCIAIS
 
COMO MANTER SEU CLIENTE SEMPRE ATIVO
 
Tenha a sua disposição conceitos simples, mas eficazes de como fidelizar seus clientes.
 
Te garanto que aplicando corretamente essas dicas, seus clientes possivelmente se tornarão seus amigos.
 
E um cliente amigo é certamente mais um reforço em suas vendas!